Seguidores

EVANGELISMO, A OBRA PRIORITÁRIA DA IGREJA DO SENHOR JESUS!

A maior evidência de uma igreja prospera e poderosa é a sua visão evangelística. Uma igreja que prima pela Palavra de Deus, que tem compromisso com pregação do Evangelho, está cumprindo a missão peculiar deixada por seu fundador, Jesus Cristo. Sabemos que as características de evangelizar, ensinar e adorar formam a tríplice missão da igreja (Mt 28.19,20; Mc 16.15; Jo 4.23, 24). Nós somos a Igreja do Senhor Jesus, fomos chamados e capacitados pelo seu Espírito para arrebatarmos das mãos do opressor, as almas que estão perecendo sem conhecer Àquele que pode tirar o homem do seu estado miserável (Rm 3.23) e reconduzi-lo a presença de Deus (Jo 14.6; I Tm 2.3-6).

O QUE É EVANGELISMO?

Definição Teológica. Evangelismo [Do gr. Evangelion + ismo] é a exposição sistemática da doutrina e dos métodos de proclamação do Evangelho de Cristo, de conformidade com espírito e a urgência da Grande Comissão* (Mt 16.14-18). *Grande Comissão - [Do lat. comissionem, encargo] Incumbência de se evangelizar o mundo que o Senhor entregou aos seus discípulos (Mt 28.19,20). A Grande Comissão envolve tríplice encargo: evangelizar, discipular e batizar.

É semear. “O que semeia, semeia a Palavra” (Mc 4.14). “Mas o que foi semeado em boa terra é o que ouve e compreende a Palavra; e dá fruto...” (Mt 13.23).

É uma pescaria espiritual. “Vinde após mim, e eu vos farei pescadores de homens” (Mc 1.17; Lc 5.10). “Vos ensinarei a pescar...” (Nova Tradução na Linguagem de Hoje).

É uma tarefa e testemunho. É testemunhar de Cristo, levando os homens ao conhecimento da Salvação. É a obra prioritária da Igreja de Cristo.

É a proclamação do Evangelho. Utilizando todos os métodos possíveis, para que a missão da igreja seja cumprida. Lembrando que, só estaremos pregando realmente o Evangelho, se estivermos relatando a vida de Jesus, ou seja, a sua história.

Conceito de Evangelização. A pregação do Evangelho “não existia” no Antigo Testamento, mas essa proposta já era percebida (Sl 40.8-10; Is 52.7).


O QUE NÃO É EVANGELISMO

Fazer caridade ou dá esmolas. Existem pessoas e até religiões que expõem um ato de caridade como sendo uma forma de evangelizar ou de cair na graça de outras pessoas, mas sobre isso, o Senhor Jesus nos dá uma forte recomendação (Mt 6.1-4).

Contar histórias que sensibilizam. As histórias emocionam; mexem com o nosso coração; mas não convence o homem do pecado. Só o Espírito Santo de Deus pode convencer o homem a aceitar a Jesus como único e suficiente Salvador (Jo 16.7, 8).

Trabalho Social. Embora seja um método muito louvável, a assistência e os projetos sociais não podem ser vistos como características de evangelismo. Essa idéia pode ser trabalhada como um método ou forma de ajudar pessoas carentes, enquanto evangelizamos (At 6.2-4).


EXEMPLOS BÍBLICOS DE EVANGELIZAÇÃO

Evangelismo pessoal. Jesus nos deixou um belo exemplo de como procedermos quando tivermos uma grande oportunidade (Jo 4.1-42 – Jesus e a mulher samaritana, cf. At 8.26-40 – Filipe e o eunuco).
Evangelismo coletivo ou em massa. Jesus se utilizou desse sistema para facilitar o cumprimento da missão (Lc 10.1). Quando foi à cidade de Naim, os discípulos juntamente com uma grande multidão o seguiam para ouvir a sua Palavra e acompanhar os milagres e curas (Lc 7.11 cf. Mc 5.24).

Pregar para grandes multidões através de concentrações. O apóstolo Pedro pregou para mais de três mil pessoas (At 2.41) e depois para mais de cinco mil pessoas (At 4.4). Paulo pregou em Atenas no meio do Areópago, o supremo tribunal (At 17.15-34).


DICAS PARA UMA EVANGELIZAÇÃO EFICAZ

Incentivo. Devemos estimular e preparar melhor as nossas equipes de evangelismo através de treinamentos, estudos bíblicos e premiações. É possível incentivar o evangelismo utilizando métodos de trabalho que empolguem os evangelistas, definindo metas e a divisão dos objetivos.

Objetivo. É possível definir a quantidade de evangelistas, de lugares que serão evangelizados, de ferramentas para o trabalho e etc., só não é possível definir a quantidade de pessoas que irão se converter. Ao homem é dada a missão de pregar a Palavra, porém, convencer o homem do pecado é uma prerrogativa do Espírito Santo. É por essa razão que devemos lutar para alcançar o maior número possível de almas para Jesus (I Cor 9.18,19).
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...