Seguidores

Reflexão: CRITÉRIOS x NEPOTISMO

Quem nunca ouviu falar em dois pesos e duas medidas? Quem nunca discutiu sobre os critérios (ou a falta deles) nas administrações diversas da vida? Em tudo na vida, encontramos critérios. Um bom emprego, uma boa faculdade, amizades, relacionamentos, enfim, os critérios formam a melhor maneira de avaliar tudo isso de maneira segura e justa. Logicamente, me refiro ao uso dessa ferramenta de maneira digna, equilibrada e responsável. Nessa reflexão, vamos analisar as definições das palavras Critérios e Nepotismo.

CRITÉRIOS [Do gr. kritérion, pelo lat. criteriu.] Substantivo masculino.

1.
Aquilo que serve de base para comparação, julgamento ou apreciação.
 
2. Princípio que permite distinguir o erro da verdade.
 
3. V. discernimento.
 
4. Discernimento, circunspeção, prudência.
 
5.Modo de apreciar coisas e/ou pessoas.
 
6. Filos. Caráter, norma ou modelo que serve para a apreciação (4) de um objeto (coisa, idéia, acontecimento).




NEPOTISMO [De nepote + -ismo.] Substantivo masculino.
 
 1.Autoridade que os sobrinhos e outros parentes do Papa exerciam na administração eclesiástica.

2.Favoritismo, patronato.

Nepotismo (do latim nepos, neto ou descendente) é o termo utilizado para designar o favorecimento de parentes em detrimento de pessoas mais qualificadas, especialmente no que diz respeito à nomeação ou elevação de cargos. Originalmente a palavra aplicava-se exclusivamente ao âmbito das relações do papa com seus parentes, mas atualmente é utilizado como sinônimo da concessão de privilégios ou cargos a parentes no funcionalismo público ou eclesiástico.
Bom, felizes são aqueles que podem abrir o coração e a boca e dizer como disse o Apóstolo Paulo: Eu, Paulo, apóstolo (não da parte dos homens, nem por intermédio de homem algum), mas sim por Jesus Cristo, e por Deus Pai..." (Gl 1.1).

Definições: Novo Dicionário AURÉLIO
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...